Dicas de produtividade no home office

Se você estiver lendo esta postagem na sua data de publicação, ou pelo menos próxima dela, então você está no meio da pandemia do novo Coronavírus, que causa a doença Covid-19. Como o melhor remédio para a doença atualmente é evitar o contágio, várias empresas decidiram mudar a suas rotinas de trabalho e optaram por mandar os seus funcionários trabalharem de casa. Em algumas cidades/estados, essa decisão foi tomada pelo governo e as empresas vem adotando de acordo com seus cenários.

Para muitas pessoas, trabalhar de casa é muito bom e produtivo, me incluo nessa! Porém, exige alguma disciplina e métodos para que você não confunda o trabalho com a casa. Inclusive, isso pode acontecer para os dois lados. Algumas pessoas tem dificuldade de desligar do trabalho quando estão fazendo home office, já outras vão ter problemas de desligar da casa e ser produtivo no trabalho. Então vou dar algumas dicas que eu uso/usei para me adaptar ao trabalho home office.

Comunicador

Vamos começar pelo mais óbvio e polêmico haha. Não use o WhatsApp para conversar com seus colegas de trabalho! O problema do WhatsApp é que não há separação entre contatos de trabalho e da sua vida pessoal. Eu sei que em alguns casos a própria empresa determina o uso do WhatsApp para o trabalho, mas se você tiver um cargo que pode tomar a decisão de qual ferramenta de comunicação vocês vão usar, então escolha uma que seja exclusiva para uso da empresa.

É claro que se a empresa fornecer um número para cada colaborador para uso exclusivo na empresa esse problema é resolvido, então o WhatsApp passa ser uma excelente solução. O ponto é: use um comunicador que será exclusivo para conversar com seus colegas de trabalho, pois intercalar com conversas pessoais de forma recorrente, pode prejudicar sua produtividade. Não estou falando pra você nunca trocar mensagens com seus contatos pessoais (ninguém é de ferro, né), mas evite interrupções forçadas por notificações na sua estação de trabalho.

E quais opções de comunicador nós temos? A boa notícia é que temos vários e a maioria é melhor que o WhatsApp (win-win situation). Vou deixar quatro sugestões e um bônus:

  • Google Hangouts/Meet
    • Excelente comunicador do Google, permite chamadas de aúdio e vídeo, compartilhamento da tela, além da criação de grupos. Você precisa ter uma conta no Google para usar, o que é quase a mesma coisa que ter um CPF nos dias atuais hehe.
  • Telegram
    • Ah, mas o Telegram não é igual o WhatsApp? Sim, é verdade, mas a maioria das pessoas ainda não usa o Telegram para comunicação pessoal. Se esse não é o seu caso, evite o Telegram ou crie uma conta para uso profissional, já que no Telegram você não precisa de um número de celular para criar uma conta. Além disso, o controle nos grupos, chat e performance são bem melhores! O ponto negativo é não ter chamadas de vídeo :(
  • Slack
    • Ah, como eu amo o Slack! Esse aqui é o melhor comunicador que você pode ter na sua empresa, pelo menos dos que eu já usei hehe. Mas então por que ele não foi o primeiro citado? Ele é muito completo e não vai ser simples de adaptar toda sua empresa de imediato. O Slack é a solução definitiva para empresas que tem trabalho remoto, nele você tem uma área de trabalho exclusiva para seus colaboradores, onde você controla o acesso de cada um, separa canais para cada área da empresa e tem integração com vários aplicativos. Se sua empresa pretende continuar com o home office após a pandemia, sem dúvidas o Slack é a melhor opção!
  • Microsoft Teams
    • Deixo como alternativa ao Slack, já que o Microsoft Teams é um concorrente direto e tem basicamente as mesmas funcionalidades. Não tenho muito o que falar, já que nunca usei, mas sendo Microsoft já vale a recomendação.
  • Discord (Bônus)
    • Muito parecido com o Slack, mas é voltado para quem joga videogame online. An? Como isso pode ser produtivo? Bom, por isso eu coloquei como bônus, mesmo que o Discord tenha sido criado com a finalidade de conectar os jogadores, as suas funcionalidades são muito boas para o trabalho remoto, então se algo te desagradou no Slack ou no Microsoft Teams você ainda pode tentar o Discord. Ah, a comunicação por voz do Discord é excelente!


Seja qual for sua escolha, tente deixar o mínimo de notificações possíveis ativas. Quanto menos interrupções você tiver, mais produtivo será!


Gerenciando seu tempo

Na introdução deste post, citei a possibilidade de que haja confusão entre seu trabalho e a sua casa. Isso acontece naturalmente, e as razões são diversas, tal como: quem mora com você, não compreender o fato de estar em casa, no seu expediente de trabalho. Já tive esse problema, meus cachorros não entendiam que eu estava trabalhando e sempre queriam carinho :P. Esse é um tipo de problema que pra cada um vai ser diferente, o jeito é ajudar as pessoas (ou pets) a entender que você está em casa, mas não está disponível para eles (é duro, eu sei).

Por outro lado, um dos maiores problemas que mata a produtividade é você. Eu?!?! Sim, você! Cada um tem seu nível de disciplina e concentração, mas estar em casa pode atrapalhar muito na concentração, então você vai precisar de mais disciplina. Você não está mais em um ambiente controlado, onde a qualquer momento alguém pode vir no seu computador ver o que você está fazendo. Isso te dá muita liberdade e poder sobre o seu trabalho. E você já sabe, “com grandes poderes vem grandes responsabilidades” (e olha que homem-aranha não podia fazer home office, hein). Então precisamos nos controlar! Bora ver umas dicas que podem ajudar:

  • RescueTime
    • Uso essa ferramenta desde antes de começar a fazer home office. Ela serve para monitorar tudo que você faz no seu computador. Sim, é bem invasivo. Talvez você não goste dessa ideia, já que informações de tudo que você acessa vai para o banco de dados deles, eles deixam bem claros que seus dados são usados apenas para montar o seu dashboard. Apesar de usar meu notebook pessoal para trabalho, não vi problema em instalar essa ferramenta, já que não faço nada secreto no meu notebook. Bom, se você optar por usar também, vai descobrir os benefícios de ter “sua vida” monitorada, pois os dashboards apresentados pelo RescueTime te ajudam a entender com o que você está gastando mais tempo e categorizar em atividades produtivas e não produtivas. No final do dia, você pode acessar o dashboard e visualizar quantas horas exatas você gastou em cada aplicativo no seu computador. Ah, você pode desativar o monitoramento a qualquer momento no aplicativo. Existe uma versão paga que adiciona mais funcionalidades, mas a versão gratuita sempre me atendeu.
  • StayFocusd ou LeechBlock
    • As duas ferramentas fazem a mesma coisa, a diferença é que o StayFocusd é uma extensão para o Google Chrome e o LeechBlock é para o Firefox. Assim como RescueTime, essas são ferramentas que monitoram o que você está fazendo, mas apenas no navegador. A diferença é que você pode limitar o tempo que você pode usar uma página (acredito que o RescueTime tenha essa funcionalidade, na versão paga). Por exemplo, você gosta de acessar o Facebook, mas está acessando demais, então você usa a ferramenta para impor um limite de tempo que você pode usar o site facebook.com, então quando você atingir o limite de uso da página, a extensão vai bloquear essa página pelo resto do dia. Essa ferramenta é essencial quando você está começando a fazer o home office, depois de um tempo você vai se controlar, naturalmente.
  • Técninca pomodoro
    • Da Wikipedia: “A técnica consiste na utilização de um cronômetro para dividir o trabalho em períodos de 25 minutos, separados por breves intervalos.”. A própria Wikipedia tem o passo-a-passo para executar essa técnica. Parece estranho trabalhar 25 minutos e parar, mas aqui estamos falando de 25 minutos de trabalho focado. Sem interrupções, desligue todas as notificações, deixe o celular longe e foque na tarefa que você tem que fazer. Essa técnica é excelente quando você precisar fazer uma tarefa que depende apenas de você. Nos intervalos, você pode responder e-mails e o chat, mas durante os 25 minutos foque 100% na execução da tarefa, você vai perceber como a produtividade vai melhorar. Clique aqui para acessar um cronômetro online para você não precisar usar o seu celular (deixe ele longe!!!).
  • Organize seu dia
    • Antes de começar a executar suas tarefas, defina o que você tem que fazer no dia, tente ser realista e escolha entre uma a cinco tarefas por dia. Algumas são recorrentes, como checar o e-mail e outras, então você não precisar listar elas. Quanto menor as tarefas, melhor vai ser a sensação de realização. E ter a sensação de realização é importante aqui, pois você pode acabar achando que está fazendo pouco e começar a trabalhar depois do seu expediente, sem necessidade! No final da semana, você vai ter noção de quantas coisas fez em 5 dias e vai ser gratificante. Seu descanso no final de semana vai ser melhor!


O gerenciamento do seu tempo é a chave do sucesso no home office. Fazendo bem seu papel, você poderá desfrutar de todas as coisas boas que o trabalho remoto proporciona. Adeus, trânsito!


Continuação

Gostou do post? Ainda temos mais dicas pra você!!!

Acesse a segunda parte do post clicando aqui.

Espero que essas dicas ajudem com o seu home office. Sinta-se convidado a compartilhar sua experiência nos comentários, assim como suas próprias dicas.

Abraços e bom homework!